quinta-feira, janeiro 13, 2005

Para amanhecer num beijo...

A noite geme baixinho. Segreda-me palavras tuas, ao ouvido. Sussurra-me que me sabes aqui a juntar as letras nas palavras q me pediste.
A noite aninha-se no meu colo, coberta de estrelas q adivinho e q pressinto, e afaga-me docemente. A noite é hoje filha minha e deixa q a vele para que amanheça serena. Guardá-la-ei como a um anjo... e amanhecerei nela sonhando um beijo!
Cris (Sussurros fora do Tempo)

4 comentários:

Ana disse...

Bonito o que escreves, as emoções feitas palavras.
Obrigada pela tua visita à Maresia e por me guiares até aqui.
Um beijo.

bertus disse...

...agradeço a tua visita ao meu blog. E deixo no teu, bordado de cores intimistas e muito belo, um abraço de contentamento, por mais uma descoberta de bem escrever neste universo virtual.
Intés!!

Cris disse...

Um beijo, Ana, e obrigada.

Cris disse...

Bertus... sou eu q agradeço. São fortes as tuas palavras. Não sei se mereço tal elogio, mas soube-me tão bem!
Beijinho