quarta-feira, setembro 14, 2005

Quando deito as palavras no meu colo...

t-o-m Posted by Picasa

Agarro as palavras, soltas no ar, quando dançam em cornucópias de sentires… e faço-as minhas!
Pinto-as… bordo-lhes sons e visto-as de histórias. Às vezes tenho q as deixar adormecer no meu colo para q saibam ser pequeninas. Outras vezes encosto-as apenas ao peito e ensino-as a crescer. Nem sempre querem. Têm medo! Nessas alturas tenho q as olhar bem de frente, nos olhos, e, beijá-las… É um beijo doce. Ensalivo-as… Aprendem a sorver desse beijo o mel e a ternura, mantos-leme da vida.
Depois, fecho os olhos ao tempo q as afago e permito-lhes viajar em mim. Sinto-as percorrerem-me as veias na busca incessante de trilhos que eu própria desconheço! Sei-as no esventrar de cada recanto do q sou e no emergir de cada poro da minha pele. Deixo-as livres em mim! Procuram vestígios de imagens que invento, cenas de histórias q sonho, desejos a germinar das sementes q ingiro, sombras de momentos de mim…
Sei q sentem necessidade absoluta de uma qualquer prova da evidência do q transmitem quando depositam na minha saliva um trago intenso de suor e desânimo.
É então que as chamo às palmas das minhas mãos e lhes digo calmamente que o meu corpo n é o local certo para as suas buscas. Todas as provas… qualquer vestígio das histórias com q as visto estão apenas naquele cantinho da minha alma onde mora a imaginação…
Entendem, finalmente, como podem dançar nas pontas dos meus dedos. Basta-lhes fechar os olhos, como eu, e abrir a gaveta da alma onde habitam as palavras imaginadas, suas irmãs, e dar-lhes as mãos como se asas fossem… e voar!

Das pontas dos meus dedos saltam como se de trampolins e, em cornucópias de sentires conscientemente imaginados, crescem em coreografias de danças mágicas. Felizes, sentem o palco nos olhos de quem as lê e as palmas nos beijos e nas lágrimas que por aqui ficam…

Nos meus lábios aprenderam a semear sorrisos quando regressam cansadas e me adormecem no colo!

Cris (Do jardim da minha alma)

33 comentários:

Salta Pocinhas disse...

É, decididamente, maravilhoso ter-te de volta. As tuas palavras são cores para os meus olhos, música para os meus ouvidos, se decido sussurrá-las...
Beijinho muito grande meu e da minha Lua pequenina

Fernando Palma disse...

Oi!
Acabei de conhecer seu blog. Gostei de alguns textos que li e simplismente fiquei facsinado pelas imagens!
Depois volto para ler mais de voce!

Dizzie disse...

"Das pontas dos meus dedos saltam como se de trampolins e, em cornucópias de sentires conscientemente imaginados, crescem em coreografias de danças mágicas.


Felizes, sentem o palco nos olhos de quem as lê e as palmas nos beijos e nas lágrimas que por aqui ficam…"

Como las mimas...y nos colocas sonrisas o lagrimas en nuestras faces...

Mui bonito lo que sientes y escrives.

:)

romero disse...

ya te extrañava y esas palabras son como siempre, encantadoras.:) Besito

Mitsou disse...

Que bom voltar a ler-te, Cris! Estava cheia de saudades, amiga. Ando meio dentro meio fora mas vou passando, ok? Beijinhos muitos!

lazuli disse...

Cris, é incrível a facilidade com que escreves

segurademim disse...

Fico sempre inquieta com as palavras as que saiem e as que ficam por aí encalhadas sem ousar serem ditas... vou ficar mais atenta ao percurso talvez árduo que percorrem até chegarem aos lábios.
E aprender a lição, de deitar as palavras no colo! mimá-las, amaciá-las ...

legivel disse...

A coreografia está excelente; as "bailarinas" sabem o que fazem e ficaram-me na retina dois pas de deux ("permito-lhes viajar em em mim..." e "sei-as no esventrar de cada recanto do que sou...") e uma pirouette ("bordo-lhes os sons e visto-as de histórias...".
Bravíssimo!
Beijos.

Quem sabe... disse...

"Às vezes tenho q as deixar adormecer no meu colo para q saibam ser pequeninas. Outras vezes encosto-as apenas ao peito e ensino-as a crescer."

Que descrição deliciosa...como as tratas bem :)

Adorei, lindo...
bjs salgados :)

imaginário disse...

Deito-me nesse colchão de mil cores e saboreio as palavras encantadas que nos ofereces.
Beijo

Maria do Céu disse...

"Quando deito as palavras no meu colo..." - eis aqui neste seu post o resultado. Gostei de ler. Cumprimentos.

sara disse...

seu blog sem dúvidas está mto massa...sem noção!!dá uma passada no meu! vc tem msn???
sara_mikytah@hotmail.com taih o meu! add!!
http://www.flog.festanet.com/dead_poet

Menina_marota disse...

A tua leitura é um prazer! Delicio-me a cada texto, nesta ternura de palavras. Adorei. Assim, simplesmente.
Um abraço terno e bom fim de semana :)

[_David_] disse...

Gostei imenso deste texto!! Vieste inspirada!!:D

Bom fim de semana!!;)

David
www.mylifeisamovie2.blogspot.com

a sua vizinha disse...

Muito bonitoo texto e com muito sentimento...

Anónimo disse...

"Caí" aqui quase por acaso...e percebi que de facto há acasos absolutamente magníficos. Voltarei sempre.
O pouco que li...é fantástico!

João disse...

O "anonimous" acima...sou eu!
Já me esquecia...vou "raptar-te" para a coluna de links da minha tasca...e como sou um raptor honesto, estou a avisar...

:)

AS disse...

Cris, a tua alma é um imenso jardim de belas palavras...

Um beijo grande

Fernando B. disse...

"Felizes, sentem o palco nos olhos de quem as lê e as palmas nos beijos e nas lágrimas que por aqui ficam…"

Que magnifica homenagem à Palavra.

Simplesmente deliciosas, as tuas.

Beijocas,

vero disse...

Olá, acabei de conhecer o teu blog e gostei dos teus textos. Também gostei muito da musica... voltarei c mais tempo p ler c mais calma!és bem-vinda aos meus "momentos de evasão" se desejares conhecer. Beijos*
Vero.

isa xana disse...

palavras... as palavras embaladas por ti com tanto carinho tornam-se tao belas

beijo

Amaral disse...

Do jardim da tua alma, retiraste a tua palavra de sonho… Que bom ler as tuas palavras, que doçura, que coisa boa…

cauba disse...

..maravilhoso.. =)

Å®t_Øf_£övë disse...

Cris,
As palavras têm muito poder e força....
E tu demonstras bem isso na forma como as usas para transmitires os teus sentires.
Bom domingo.
Bjs.

Daniel Aladiah disse...

Tratas as palavras por tu e desejas calá-las tantas vezes com beijos...
Beijo

vero disse...

Olá, venho agradecer as bonitas palavras k deixou no meu blog... espero k volte mais vezes!!!
Beijinhos*

TMara disse...

são tão importantes as palavras...Tratemo-las bem, há quem as desgaste. Bjs e ;)

Betty Branco Martins disse...

Olá Cris

Conseguiste vestir as "palavras" acolheste no teu regaço, com amor terno e delas
retiraste os seus medos...

Lindíssimo

Um beijo

Mitsou disse...

Truz, truz. Posso deixar um beijinho doce e saudoso para a menina Cris? Ok, muito obrigada :)

Mestrinho disse...

Olá Cris.. que lindas palavras,

Deliciei-me com o teu blog. Parabéns.

Elsa disse...

Esta fot tem umas cores fantásticas!!
E sim, as palavras também são muito bonitas...
lindo...

Fora Das Mãos disse...

As palavras e as imagens neste blog são muito, muito, muito fortes e boas!

Anónimo disse...

Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. 'sedan' sales infiniti Hummer signs Online bill pay with comcast Game hex editor download Free sex movies love tricyclic antidepressants pass