sábado, junho 02, 2007

Utopia!




É utópico pensar os teus olhos e vê-los marejar
ao simples gesto de pensar que estás em mim?

Será ridículo escrever palavras bordadas de saliva
nos segredos que te sonho e nas saudades que sinto de ti?

Desnudo-me de pudores e de enfeites de tradição
porque resgato miragens quando te amo e te quero dentro de mim
em sede viva ou simples quimera de canção
que olvida os recatos mais puros do que esperas
mas me rasga por dentro e me definha o coração

Por isso eu canto e grito o que me resta em silêncio no peito
e utopicamente acredito que por direito
me assiste escrever-te ridiculamente a preceito
que te amo... que te quero... que te desejo...


Cris (Dos meus lábios nasce a noite)

25 comentários:

A.S. disse...

Dos teus lábios nasce a noite... das tuas palavras nascem belos poemas!...


Um terno e doce beijo!

Anónimo disse...

Por aqui passei, por aqui te vi , por aqui me encantei por as tuas lindas palavras de amor me deliciei, um beijinho muito profundo eu te darei, luis.

Som Do Silêncio disse...

Belas e doces palavras.
Gostei muito do teu cantinho.


E é uma surpresa encontrar aqui neste vasto mundo da blogosfera uma vizinha :)

Um Beijo em Silêncio

Ana disse...

Na utopia de que a vida por vezes é feita, há palavras que nos assiste sempre o direito a pronunciar. Belas quando são ditas com o sorriso da lua.

Saudades, Cris... muitas.

Solitária disse...

Passei para deixar um beijo e desejar um bom fim de semana...

Nilson Barcelli disse...

Não é nada ridículo, este teu grito e o poema.
Gostei.
Bom fim-de-semana, beijinhos.

sonhadora disse...

Sonha. Sonha sempre.
Beijinhos embrulhados em abraços

A.S. disse...

Passei... deixei cair um beijo!

André Miguel "Krista" disse...

Olá :) ..

Hum .. vejo que consegui descobrir o site da minha professora preferida ( sem ofensa as outras , que por sinal ate gostei de quase todas xD)


Passei por cá para lhe dizer que gostei muito do que li , acredite que li alguns .. para quem ta de fora e dificil acreditar que uma professora é capaz de corrigir testes dar materia e ainda vir escrever estes poemas muito lindos e com muita originalidade =)

Um beijo grande aqui do André =)

Felicidades **

cabeca de ninho disse...

A minha mae e um maximo... viste tu tens o Krista a dzr qe gosta d ti!
eu tb gosto, n pr m dares 4 a Ingles, ms pr.m dares mts outras coisas!

amo-te muito, mae!

Alexandre Sousa disse...

Lindo como sempre.

Anónimo disse...

ola... mais uma x parabens pelo que escreve, como sempre palavras cheias de sentimento... passo ca varias vezes e fico contente quando tem novos pensamentos/poemas... felicidades :)

anne disse...

Amar é uma necessidade e abafar os sentimentos, não vale a pena. Grita aos quatro ventos, a grandeza desse amor, em versos e prosa. Sabes!
Muitos beijinhos

Cris disse...

A.S.,
E das palavras que aqui me deixas... a vontade de continuar sempre a deixar jorrar as palavras em forma de poemas!

Obrigada!
Beijinho

Cris disse...

Luis,
Fico sempre muito feliz quando te vejo por aqui!

Um beijinho tb para ti

Cris disse...

Som do Silêncio,

Já espreitei o teu blog, mas ainda n tive oportunidade de lá ir com o tempo suficiente para te ler como mereces. Mas prometo q vou.

Também eu fico surpresa qd num mundo tão vasto como este encontro por qui os vizinhos... mas, como no mundo real, tb este acaba por ser pequenino, n é?

Volta sempre!

beijinho

Cris disse...

Ana,
Realmente, o grande tesouro que nos é dado pelas palavras é inegualável... e ainda bem q assim é!

Não te esqueças, amiga, qd vieres para estes lados liga e vamos tomar café... tenho saudades!

beijinho grande

Cris disse...

Solitária,

Obrigada pela tua visita...
Não tenhotido tempo para fazer as minhas visitas com regularidade, mas espero fazê-lo assim q o trabalho acalme um pouco...

beijinho

Cris disse...

Nilson,

Que saudades eu tinha, amigo!

beijo grande

Cris disse...

Sonhadora,

E sonhar é um direito maravilhoso, n é?

beijinho

Cris disse...

André Miguel,

Olá meu Kristinha. Não imaginas como gostei de te saber por aqui e de ler o teu comentário.
Sabes... realmente nem sempre é fácil corrigir os testes, dar matéria, aturar uns pestinhas levados da breca e ainda vir aqui escrever... mas qd se gosta realmente do q se faz tudo parece mais fácil!
Acho q foi isso q tentei transmitir ao longo deste último ano... e sei q tu entendeste a mensagem!

Obrigada, pelas palavras q aqui me deixaste e pelo sorriso q semeaste nos meus lábios.
Já n és meu aluno mas vais ser sempre um "dos meus alunos" e um amigo!

beijinho... e vemo-nos por aí!

Cris disse...

Minha cabecinha de ninho,

Tu sabes como és importante para mim!
Sabes que és a minha princesa... e ter a minha princesa aqui a dizer que me ama deixa-me completamente desarmada e com a lagriminha ao canto do olho! Que queres, filhota... as mães são assim!... umas lamechas...

O beijo maior do mundo... do tamanho desses olhos lindos e desse sorriso doce!

AMO-TE!

Cris disse...

Alexandre Sousa,

Vindo de um escritor como tu, esse elogio traduz-se no imenso sorriso que tu sabes bem ler...

beijo

Cris disse...

Amigo anónimo,

Que pena eu tenho de n lhe poder responder usando o seu nome... mas nunca me diz quem é!

Mas um obrigada imenso...e um beijo!

Cris disse...

Anne,

Gritarei! Prometo!

beijinho