quarta-feira, julho 25, 2007

Beijo-te devagarinho...




Sento-me aqui um pouco, aninhada em mim própria e no cansaço dos meus dedos, para te beijar devagarinho... como eu gosto!


Sei-te na dormência dos sonhos, enquanto eu vagueio lentamente no êxtase de uns acordes plenos de mel e de vida...


Tu sabes, amor, como eu gosto de te beijar devagar, por entre a dança das notas soltas no éter, livre de luz, como se o mundo não existisse para além de nós. Sabes como eu te sei sonhar no aroma da pele molhada... como me desgarro do corpo e me faço abraço e beijo nos pedaços dos teus sonhos.


Deixo o corpo voar para fora de si próprio e fico completamente extasiada com o q resta de mim...


São mãos sem forma, cheias de vida e um olhar penetrante q atravessa mundos ternamente construidos por um veio de eternidade repleto de horizontes paralelos, inchados de cor e de uma música divinal.


São pedaços de éter, voláteis e transparentes, plenos de desejo e de ecos de mim.


É um pedaço de saudade e de fado esquecido das lágrimas e da dor que alguma vez senti...


É o resto do que resta da noite imaginada e que habita no centro do que sou quando me afasto assim do corpo em que moro para ficar desnuda dos grilhões que me amarram o peito... e vestida apenas com um manto azul feito da alma que é minha e assim me sorri!


Então... desamarrada de mim, aconchego-me no sonho q te-me abraça... e adormeço assim!



Cris (Do Silêncio e da Pele)

10 comentários:

Amaral disse...

Que bom ver-te de novo!
E com este beijar devagarinho, onde há aquilo que mais enternece: o carinho e a ternura.
Porque o amor, esse, quando é sincero e verdadeiro, não sai de lá... de onde ele pertence mesmo!
O que "resta de ti" não são restos, como sabes, és Tu numa outra versão, muito mais próxima dAquilo que desejas!
Sorri sempre! Sem grilhões, nem quaisquer amarras, apenas com a certeza de que Serás Aquilo que mais desejares!

A.S. disse...

Vim deixar-te um beijo... e saudades!

Bia disse...

É belo esse passear pelo corpo e pela alma do ser amado, despertando acordes de um som que só saudade e lembranças sabem tocar. Lindo e afetuosamente doce o teu espaço onde a mais pura poesia se faz em trechos prazerosos de percorrer. Imagens também belíssimas!

Deixo-te pétalas de mimosas flores, um beijo no coração, e os votos de uma linda semana inundada de alegria e paz.

Bia disse...

Não encontrando nova postagem fiquei a passear nesse teu jardim plantado de tão lindos versos. Impressiona-me, ao mesmo tempo em que me enternece, esse teu versejar tão profundamente sentido, tão impregnado da doçura de tua alma. Encanta-me ler-te, e há momentos em que, confesso, gostaria eu de ter escrito determinados trechos ou versos. A facilidade com que expressas sentimentos e emoções, num manejar suave da poesia, é qualquer coisa de mágico. Dá vontade de nem sair daqui!

Que ternos anjos estejam nesse momento recolhendo na tua alma os belos sonhos para os levarem a passear entre as estrelas... ou será que eles já moram por lá e os anjos estão apenas trazendo-os para habitar a tua alma? Um mistério que teu doce sorriso nunca nos desvendará... rss.

Ficam pétalas, ficam beijos, mas levo comigo o encantamento dos teus versos tão lindamente espalhados por aqui.

Bia disse...

Por onde andas?
Acaso encontraste
um lugarzinho
entre as estrelas,
quando passeavas entre elas buscando versos para o teu sonhar, e te aconchegaste
numa delas
e te deixaste ficar...?

Está vendo como até versos compus para indagar por onde andas? (risos)

Que estejas bem, amiga, é o que quero te desejar, e que teus pés estejam a caminhar por sendas floridas e perfumadas.

Ficam pétalas, ficam beijos, fica meu carinho.

nana disse...

uau.

.....

Diana disse...

bem, adorei sem duvida este texto. se foste tu que o escreveste tens muito talento, acredita. Bj

Anónimo disse...

ha como e bom amar o amor e lindo , lindo mesmo ainda e o que nos faz viver com alegria , como e bom beijar bem devagarinho sentir as emoçoes o coraçao a bater e a ternura do olhar , nao tenho mais palavras cris es uma linda pessoa , adore-te ler corre-me sempre uma lagrima lembrando-me tempos que ainda nao passaram. um grande beijo com mt ternura e amizade, luis.

Bia disse...

Passando pra deixar-te pétalas, beijos, e votos de dias lindos na tua vida.

Tchivinguiro: onde nasci. disse...

"O mundo fica irreal, mas não me importo"