quarta-feira, março 30, 2005

no fumo do último cigarro...

cigar.JPG


Tenho sono... um sono terrível! Julguei que não seria capaz de escrever. Preparava-me já para ir dormir, mas resolvi acender o último cigarro e saboreá-lo recostada na minha cadeira, apreciando as espirais do fumo desaparecendo na semi-penumbra que me envolve e me aconchega...
Mas a música... sobrepôs-se ao sono, ao cigarro, às espirais e prendeu-me aqui, soltando estes pedacinhos de estar só com os de estar comigo mesma...
Quase sem dar conta, o meu corpo elevou-se da cadeira e, como as espirais, levita agora acima deste escuro que me rodeia, dançando sem par nos meandros de um sono que me suaviza o sorriso e me transporta para além de qualquer horizonte...e eu vou...e eu quero ir...
Nestes momentos do que sou, sinto desgarrarem-se da zona subcutânea de mim mesma as asas que me fazem planar num mar de recordações e de miragens...e eu vou... eu quero ir...
Voo em direcção a um sol adormecido e a uma manhã que não acorda... mas deixo-me ir... vou... quero ir...
Desenrolo-me de mim e dispo as amarras e os grilhões dos ecos que me atormentam...
E vou... numa nudez vestida de ternura deitar-me num colchão de sonhos com aroma de morangos silvestres e com sabor a lábios macios... Vou... porque quero ir...
Sonhando com uma espécie de céu que se eleva do mar em ondas de nós... em nós!...
Arremesso fora o tempo e abro as minhas asas em ti... num momento de verdadeira loucura assumida que não quero contida nem em espaço algum... estou... sou contigo!...
Porque eu quero!...
Cris (Sussurros fora do tempo)

35 comentários:

Amaral disse...

Ainda bem que não foste para a cama e decidiste deixar-nos com este pedaço enorme de beleza.
Preferindo não existir um cigarro, tenho que me deixar maravilhar por um texto que me envolveu como se empurrado para o mesmo palco.
Deixa-te ir muitas mais vezes, nessa tua candura mergulhada em recordações ou miragens, sempre embaladas nesse teu querer, desejo de ti própria, criação de ti mesma!
Fora do tempo, fora do pensamento, só poderás ser mesmo TU!

AS disse...

Cris, este texto também me fez pairar em alguma nuvem. É simplesmente arrebatador!

Um beijo

Mitsou disse...

A serenidade desses momentos...O aconchego do devaneio. Belíssimo texto, Cris. Um grande beijinho, amiga :)

BlueShell disse...

Importantes as tuas palavras.

Jinho e carinho, BShell

bertus disse...

...tu não brincas em serviço (escrever) nem nos sonhos!!
Como não podia deixar de ser, gostei e quase me senti envolvido nas espirais de fumo do teu cigarro. Quase...e que não era nada bom se acontecesse; é que deixei de fumar há uns seis anos e não quero voltar ao vício. Porquê? Porque eu não quero!

beijinho e intés!!

Vera Cymbron disse...

Bem...nem sei que dizer-te, quando te leio fico sempre com a sensação que sou tão pequenina!
Jinhos grandes.

Reporter disse...

Sem tabaco. Consigo, creio.
Humm? Ah, pois claro.
Através do fumo, talvez dispensável, lá está ela. A beleza estética de uma escrita poderosa.
À qual não podemos fugir. Nem devemos.
Bjs, cris

lualil disse...

Também vou.. porque quero deixar-me ir!! Levaste-nos a todos!Fantástico!
beijinhus grandes pra ti!

André Ferreira disse...

Adiaste a ida para a cama mas já sonhas e assim podemos ler os teus sonhos em primeira mão, beijinhos
dorme bem

BlueShell disse...

Deixo beijo, BShell

Salatia disse...

Só hoje te "descobri" neste cantinho...vou agora descobrir o que de ti aqui deixaste...linkar-te-ei para ser mais fácil, beijos.

Alexandre Sousa disse...

Deixei de fumar

Diogo Ribeiro disse...

Os meus parabéns pelo blog, acho que manifestas muito bem o que sentes. Hei-de voltar ;)

Januário disse...

Descobri o teu link algures num comentário teu num Blogue que visito regularmente.
Gostei deste lugar de desabafos. Vou voltar + vezes.
Fica bem,
JC

isa xana disse...

já tudo foi dito... que mais poderei acrescentar?!... deixei-me levar pelo "fumo do teu ultimo cigarro"... dexei-me levar pela tua escrita e flutuei mesmo:)

muito muito muito bem escrito. arrebatador, como o frog disse e disse muito bem:)

**

R/B Estação disse...

Senti. mais que o fumo do cigarro um grande conforto e uma grande paixão!!
Bom fim de semana.

Ana disse...

Um texto excelente, como todos os teus.
Gosto da forma como expressas a tua vontade de ir... dá vontade de ir também!
Um beijo

Mitsou disse...

Vim desejar um óptimo fim de semana. Beijinhos :)

Cris disse...

Venho aqui hj deixar-vos um beijinho e prometo responder a todos amanhã.

:)

Cris disse...

Amaral,
Sempre essas tuas palavras lindas!
Tenho q admitir q, muito embora o cigarro seja uma praga, me inspira de uma forma bem forte a escrever. As piruetas do fumo de um cigarro, tendo como fundo o escuro da noite são mágicas!

beijinho

Cris disse...

frog,

Em resposta a um comentário destes só me posso vestir de sorrisos e dizer-te: Obrigada, amigo!
beijinho

Cris disse...

Mitsou,

Um beijinho enorme para ti, que tens sempre palavras de ternura para mim!

Cris disse...

Blueshell,

Mais importante q as minhas palavras é esse carinho q aqui me deixas! :)

beijinho

Cris disse...

bertus,

Gosto dessa determinação! Conseguisse eu deixar de fumar... ou melhor, tentasse eu deixar de fumar...
Um dia vou encher-me de vontade e dizer tb eu: Eu não quero!

beijinho e intés!

Cris disse...

blue,

Mas n és pequenina... és uma grande mulher e com um poder de escrita imenso. E n me canso de te dizer q adoro ler-te!

beijinho

Cris disse...

reporter,

O fumo era realmente dispensável, mas neste caso foi, sem dúvida, o trampolim para esta cascata de palavras...
Confesso o meu pecado, pronto! Eu Fumadora me retrato e me assumo... só ainda n prometo q n voltarei a fumar!
ehehehe

beijinho

Cris disse...

lualil,

É sempre tão bom ter-te por aqui!...
:)
beijinho

Cris disse...

andré ferreira,

Eu sonho em cada minuto da minha vida! E isso é quase sempre mt bom!
Obrigada por voltares cá!
Beijinho

Cris disse...

Salatia,

Obrigada pelas tuas palavras e pelo carinho.
Também eu tenho links para colocar, mas n aqui q ainda n consegui fazê-lo no blogger. Coloco-os sempre no "Sementes", na sapo. Amanhã mesmo o farei. O link é http://chatalinda.blogs.sapo.pt/

beijinho para ti

Cris disse...

Alexandre,

Também tu, tiveste essa força de vontade imensa q é necessária para deixar de fumar? Pois tens q me ensinar, pelo menos a tentar.
E n vale a pena dizeres q não. Isto n é só chegar aqui e dizer "Eu fiz!" Agora tens q dar a receita!

beijinho grande

Cris disse...

doug mckean,

Volta sempre... que eu gosto de te ter por cá!
beijinho

Cris disse...

januário,

Sabe sempre bem quando vejo por aqui alguém q descobriu o meu cantinho, gostou e diz q vai voltar. Para mais sendo um conterrâneo!

Sê benvindo!
beijinho

Cris disse...

Obrigada isa-xana,

Tu e todos os outros estragam-me com mimos... e, sabes uma coisa? Eu fico deliciada!

beijinho, beijinho, beijinho

Cris disse...

joão da cal,

... porque é com muita paixão q eu escrevo!

Obrigada, João!
beijinho

Cris disse...

ana,

então fecha os olhos e anda...
é assim q funcionam os sonhos... e aquelas asas de q eu tanto gosto!

beijo grande